MSMovie

#MSMovie

Apresentando uma nova hashtag para a coleção da MS.

A Sétima Arte, creio que foi meu primeiro contato com a tecnologia. Lembro-me bem de meu primeiro filme no cinema, eu tinha menos que 5 anos e meu pai me levou para ver um filme de guerra. Sem chance de eu lembrar o nome, mas tinha aviões e navios e posso jurar que um dos tiros do avião acertou a tela e quebrou o vidro… mas acho que só eu vi. (DL)

Quando os irmãos Lumière fizeram sua primeira projeção, em 1895, entre o Natal e o ano novo, o mundo estava diante de uma das mais assombrosas tecnologias já inventadas. O trem chegando em uma estação e mais 9 filmes bem curtos, deixaram de queixo caído uma plateia estupefata, alguns saíram correndo da sala de exibição, um Café de Paris, já que o cinema ainda não havia sido “inventado”.

Para chegar a este prodígio de tecnologia foi preciso muitos outros inventores criarem algo. Clique na imagem abaixo, para ler um interessante e completo artigo, da professora Juliana Bezerra, sobre a história do cinema, publicado no site “Toda Matéria”.

CARNIVAL ROW

Se vamos falar de cinema, nada como começar por um filme, no caso uma série, disponível na Amazon Prime.

Se você não tem a Amazon Prime, pode testar gratuitamente por 1 mês. Use o link de afiliado da MS, que assim ajuda a revista e não paga nada a mais por isso. Lembrando que ao assinar o Prime Video, também leva de brinde o Amazon Music.

“Carnival Row” é um filme bem interessante, mistura ficção com terror e fantasia e ainda traz de brinde aquele ar noir, dos melhores filmes de detetive.

É uma espécie de contos de fadas para adultos, as protagonistas são justo as fadas, mas não espere um filme leve, tem muita violência, sexo e uma morte atrás da outra.

O primeiro episódio já começa com uma carnificina de fadas, que são perseguidas em uma floresta, por soldados e animais, semelhantes a cães, porém monstruosos e logo aparece a protagonista, a decidida fadinha Vignette, tentando salvar as outras fadas…

O par romântico da fadinha é um sargento da polícia, Rycroft Philostrate, ou “Philo”, um cara cheio de surpresas.

O título corresponde a uma rua importante da cidade de Burgue, onde convivem humanos e os chamados “critch” ou seja, que não são humanos e tem de todo tipo de criatura, das mais conhecidas até algumas que nem os próprios habitantes ouviram falar.

A cidade está em guerra com uma outra cidade e neste complicado enredo vão acontecendo as coisas, todas em volta de Philo e Vinnie.

As caracterizações são fantásticas, os voos das fadas são uma obra de arte e o ritmo da história é vertiginoso, tudo acontece muito rápido e uma cochilada te faz perder algo importante para entender a série.

A primeira temporada tem 8 episódios e a segunda está prometida somente para Agosto de 2021. Então assista com calma.

Os atores não são muito famosos, embora alguns sejam conhecidos dos brasileiros, como Orlando Bloom e Cara Delevigne, que fazem o casal de protagonistas. Porém com raríssimas exceções estão todos muito bem em seus papéis e a direção não deixa a desejar, a série sabe como prender o espectador.

Gostaram da amostra? Deixe seu comentário e faça sugestões de assuntos que gostaria de ver nesta seção.

Divino C. R. Leitão

Safra de 57, um cara das artes, professor e coordenador do CPD da MS. Desde sempre!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: