EDITORIAL 01/03/2021

Olá queridas leitoras e amados leitores da nossa prestigiada MS, espero que possam notar o prazer que tenho de escrever este editorial, no terceiro mês do segundo ano da pandemia que assola o mundo.

Agora há pouco, quando tomava meu café da manhã e assistia as entrevistas do “The Noite” como gosto de fazer, em opção a tragédia que se tornaram os canais de TV, que me recuso a assistir, qualquer um, pois ou mostram os crimes cometidos pela quantidade absurda de bandidos soltos por juízes, que nem ouso classificar ou tem alguém contando os mortos da pandemia, observando-se que a fonte da contagem é sempre a mesma, mas os números não batem.

Vendo o canal do humorista, ouvi esta história…

“Chamei uma amiga para ver minha casa e lhe mostrei meu ipê amarelo, ela respondeu: Nossa que sujeira no chão! Deve dar o maior trabalho limpar isso.”

Pois é… algumas pessoas gostam de ver apenas o lado negativo das coisas, o tal do “copo meio vazio” enquanto outras preferem ver o copo meio cheio.

No ano passado cheguei a ver o copo meio vazio e quase desisti de manter a MS no ar, “pedi para sair” por uns tempos, até o Super Paulinho entrar em minha vida e me puxar as orelhas e aqui estamos, inclusive com mais pessoas colaborando com a MS e contando com o dia em que você também estará.

Este editorial vai ficar pequeno para poder contar tudo que está acontecendo na MS, então vou apenas citar e conforme for publicando cada novidade, coloco o link e depois atualizo a citação, vejam o tamanho da lista… e isso só para Março.

Vamos começar com a já publicada (há minutos) matéria MS Impressa, que é um pedido recorrente de muitas pessoas e resolvemos atender.

E começou em 01/03/2029 o #CBCA, nada menos que nosso primeiro EAD, um projeto bastante ambicioso e que está dando seu primeiro passinho, com uma turma abaixo do esperado, apenas 5 alunos onde poderiam ter 12, mas é sempre assim, quando se começa algo, precisa ir devagar. Esperamos que nossos leitores acompanhem a série e vejam o que podem estar perdendo.

Para se inscrever clique na imagem do anúncio do evento. Se estiver lendo no micro ela está ao lado direito da tela, se for em equipamentos com tela menor, virá após o texto.

O #MSBD você já conhece, sempre aos domingos e ao final do ano teremos uma coleção de quadrinhos digna de nota. Porém ainda talvez não tenham visto “A bruxa di Bré”, novo lançamento do #MSBD, que trará uma revista dentro da revista.

E tem mais um projeto que ninguém ainda ouviu falar, trata-se de algo — também muito ambicioso — com um nome que já diz tudo: 1001 Jogos. Mais do que apenas jogos de computador, vamos ter os mesmos jogos em formato cartas, tabuleiro e outros. O primeiro sai ainda este mês… fiquem de olhos bem abertos.

E o velho BASIC — quem diria — estará de volta em nossas páginas, do jeito que os amantes dos micros antigos pedem sempre e resolvemos atender, agradeçam ao RS, que já entrou na revista pedindo algo do gênero e foi atendido. A linguagem BASIC, estará Integrada a todos estes projetos e realizações, já citados. Na imagem um programa em BASIC, para sortear números de loteria, que o NDL fez para um dos artigos que estão sendo publicados neste mês,

Um recado para os que curtem máquinas antigas: você pedem para a MS participar mais de seus grupos nas redes sociais e temos feito isso. Porém são mais grupos do que a MS pode abraçar e em alguns, os administradores ainda bloqueiam mensagens da MS, alegando que elas estariam “fora de escopo”.

O que acham de fazer ao contrário, colocar seus grupos mais presentes na MS? As portas estão sempre abertas e aqui não praticamos a discriminação de linhas, linguagens ou software!

#ficaadica

E já que tocamos em assuntos polêmicos é hora de lembrar que a partir de Março de 2021, a sua, a nossa a prodigiosa MS, lança o conceito: ASSINANTE VIP. Uma forma de monetização, para permitir que todos estes projetos sigam em frente, não tem mais como fazer isso agindo como fã.

Para você que já sentiu o escorpião se agitando no bolso, muita calma nesta hora, a revista que você acompanha e está online desde 2009, vai continuar gratuita, porém vamos inserir novidades que não havia antes e por elas — e apenas por elas — será preciso pagar…

Será um valor tão ridículo que só vamos anunciar na matéria sobre o ASSINANTE VIP, que será lançada por estes dias e onde você saberá todos os detalhes.

Hum… será que estou esquecendo algo? Claro que estou! São tantos projetos e pautas que só anotando e não vou espiar, para ver se esqueci algo.

Fica para um próximo editorial, pois este já está enorme e quero reduzir, pois — por incrível que possa parecer — há pessoas reclamando que tem muita coisa para ler e querem “textos menores”.

Me perdoem os que apreciam este tipo de informação reduzida, mas não tem um “mini-me” deste editor capaz de fazer isso. Vim ao mundo com um defeito de fabricação que não dá para corrigir depois de velho, prefiro errar pelo excesso e espero que possam relevar ou então pedir para alguém fazer um resumo, já que meus resumos também são enormes  🙂

E que venham mais desafios… por aqui estamos, com o copo meio cheio e continuamos a encher  🙂

Divino Leitão

Divino Leitão

Safra de 57, um cara das artes, professor e coordenador do CPD da MS. Desde sempre!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: